quarta-feira, 15 de julho de 2015

E aí, como estão as coisas?

No último dia 02/7/15 tive mais uma consulta com a nutricionista.
Confesso que quase desisti de ir, conforme já falei aqui  sobre minha "deixada de lado" da dieta, horários e atividade física.
Mas, respirei fundo e fui. Fui porque sei que são nessas horas que desistimos de certas coisas, é que depois láááá na frente, a gente acaba se arrependendo de não ter feito o certo na hora certa.
Gente, a nutri é muito boa! Expus todas as minhas dificuldades do período e ela me veio com uma injeção de ânimo. Nada de bronca, puxão de orelha e sim muita compreensão e competência para re-orientar o trabalho já iniciado há mais de um ano.
Chegamos à conclusão que a coisa não estava tão ruim assim. É claro que alguns resultados de determinados exames foram a consequência das minhas atitudes. Mas, nada demais também...hahahaha...
Continuo dentro dos limites desejáveis em relação ao meu peso. Mas eu preciso ficar atenta, pois os valores estão mais próximos do limite máximo do que do mínimo. Então mais um passo errado a frente e já começo a ter alguns probleminhas...rs...
De uma maneira geral, engordei 400 gramas do meu peso em relação à última consulta (tava com 57,1, agora estava com 57,5 kg). Minha massa muscular abaixou um pouco (tava com 23,3, agora estava 23 kg). Minha massa de gordura subiu de 14,4 para 16,6 kg). Isso aí que foi terrível!!! kkkk...No fim das contas preciso eliminar 2,9 kg de gordura! Ahhh, já estava esquecendo, diminui 1 cm de cintura :) e aumentei 2 cm de quadril :(
Tá ruim, mas tá bom kkkkk...
No mais, continuarei com minha dieta, usando alguns alimentos funcionais e tomando alguns suplementos para ajudar no controle da glicemia, na perda da gordura e para ganhar um pouco mais de massa muscular (com a ajuda do exercício físico).
Estão vendo como é importante termos a ajuda de um profissional da área de nutrição? Faz toda a diferença.

 






segunda-feira, 6 de julho de 2015

Sendo sincera.

Olá pessoal!
Faz tempo que não atualizo.
Mas é que passei por um tempo sem muita inspiração.
Vinha seguindo direitinho as orientações passadas pela nutri, até que consegui emagrecer 10 quilos.
Fiquei hiper contente! Mas sabe como é o ser humano né (ou pelo menos alguns kkkk).
Cheguei no peso que queria. Havia emagrecido certinho, devagar, com eliminação de gorduras sem perder massa muscular e tals. Mudanças nos hábitos alimentares e atividade física regular.
Dei uma olhada no blog e vi que em fevereiro quando tive uma consulta com a nutri, já estava querendo me desviar da atenção que vinha tendo.
Daí pra frente, desviei muito pra falar a verdade. Estou sendo sincera.
Passei a boicotar um pouco a dieta. Voltei a comer certas coisas que sabia que não me fariam bem. 
Quando a gente começa a comer "certas coisas" (hahaha), começa também a aumentar a necessidade de insulina. Aí pra virar uma bola de neve fica fácil né.
Mas, fui jogando daqui e dali. Além disso horários também ficaram difíceis de cumprir, preguiça que aumenta, entre escolher entre tirar uma soneca e fazer meia hora de exercício, qual opção você acha que era escolhida?
Isso foi gerando um certo pânico em mim. Mas, ficava sempre de olho na balança e também nas glicemias. Ainda bem que meu peso não sofreu grandes alterações e a glicada até baixou um pouco. Porém, isso não é legal! Compreendi que tudo é um conjunto. Não dá para lidar com a Diabetes, somente pensando nos números das glicemias. Pode até estar dentro do limites desejados, mas a que custo? Doses a mais de insulina para cobrir as comilanças a mais? Não pode né gente! Doses a mais de insulina porque resolvi dormir em vez de me exercitar? Não, não pode também!
Até que chegou a hora do "acorda pra vida menina". Vamos lá. E o trabalho todo feito desde maio de 2014, quando foi a minha primeira consulta com a nutri em que eu estava bem acima do peso ideal? E as doses de insulina que eu consegui diminuir drasticamente por conta de uma dieta saudável e também com um pouco de atividade física?
Até que voltei agora dia 02 de julho de 2015 na nutri e decidi me restabelecer novamente.
Sobre isso, conto em outro post, pois esse já tá mega...rs...


Em dia de exame, morro de medo de ficar com hipo por conta do jejum. Mas também não era pra exagerar né kkkk. Glicose em jejum: 199 :p A glicada baixou do último exame para esse (estava 6,9% baixou para 6,6%)

Colesterol sempre no limite :p Sabe uma coisa que super influencia nisto? Atividade Física!!!
 
Êêêê, pelo menos o hormônio que tomo para o hipotireoidismo está funcionando certinho :D .
Já a vitamina D, terei que voltar a tomar, pois ainda está crítica minha situação :p
De resto tá tudo bem :D